‘Se ele não me quer, é só dizer’, diz Mourão sobre Bolsonaro


General da reserva tem sido alvo de ataques de Carlos Bolsonaro

O vice-presidente Hamilton Mourão desabafou após os recentes conflitos com Carlos Bolsonaro e outros aliados do presidente. Em entrevista à revista Veja, Mourão disse que não descarta a possibilidade de renunciar ao cargo.

– Se ele (Bolsonaro) não me quer, é só me dizer. Pego as coisas e vou embora – declarou.

O general da reserva também reafirmou seu compromisso com o país e com Bolsonaro e diz não entender o motivo dos ataques.

– O presidente nunca me disse para parar, para não falar com essa ou aquela pessoa. Então, entendo que não estou fazendo nada de errado. Mas se ele quiser que eu pare… – admitiu Mourão.

Recentemente, o vice-presidente entrou na mira de Carlos Bolsonaro, considerado o filho mais influente do presidente. O vereador carioca não tem poupado críticas a Mourão e o acusa, dentre outras coisas, de conspirar pela queda de Bolsonaro para que ele chegue ao poder.

Fonte: Pleno News

#HamiltonMourão #CarlosBolsonaro #JairBolsonaro

2 visualizações
  • White Facebook Icon
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca ícone do YouTube
  • White Twitter Icon
leão icone.png

LEIA PRIMEIRO

© 2020 POR MARCK PUBLICIDADE.