Novos termos com Enel são conquistados por Ronaldo Caiado


Após reiterados pedidos e reuniões em Brasília, Ronaldo Caiado consegue reverter contrato e estabelecer que multinacional italiana faça investimento bilionário em Goiás

O governador Ronaldo Caiado (DEM) acaba de obter uma vitória histórica para Goiás: a italiana Enel aceitou investir R$ 3 bilhões em seis meses para manter a concessão dos serviços de venda de energia elétrica e também melhorar a oferta para os goianos.

A Enel confirmou, após reunião com o governador e ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, que acatará as indicações do Governo de Goiás.

A notícia foi divulgada em primeira mão pela revista Veja.

Nos últimos três meses, o governador esperneou, foi até Brasília pelo menos dez vezes para tratar da má qualidade dos serviços da Enel. Chegou a ter a promessa do Governo Federal de que a Celg seria devolvida ao povo goiano caso a Enel não resolvesse o caos energético em Goiás.

Caiado disse que não desejava provocar nenhuma insegurança jurídica e que respeita contratos, desde que eles sejam cumpridos.

A Celg foi privatizada pelo governo Marconi Perillo (PSDB) contra as súplicas de Ronaldo Caiado, que atuava como senador por Goiás no ano em que foi vendida, em 2017.

Após assumir o Governo de Goiás, Caiado garantiu ao setor produtivo e usuários comuns de que brigaria pelos goianos junto à multinacional.

A Enel passou a ser alvo de críticas de diversos segmentos produtivos, como o agronegócio. Produtores de leite, por exemplo, começaram a perder sua produção.

Por sua vez, a expansão de novas empresas foi impedida pela Enel, que não apresentava interesse em expandir seus investimentos.

A gota d´água para Caiado ocorreu quando ele disse que iria tirar do papel um dos tópicos do seu programa de governo, as aguardadas policlínicas.

Ao tentar instalar uma unidade em Posse (GO), o governador foi informado que não existia capacidade instalada de energia elétrica.

Caiado engrossou o tom e iniciou um movimento pela volta da Celg, já que não se justificava vender uma empresa pública para o povo ter um serviço de péssima qualidade.

Com a vitória desta tarde, Caiado promete fiscalizar as ações da Enel e cobrar eficácia e respeito às novas linhas contratuais.

Fonte: Portal Anapolis

#RonaldoCaiado #Enel

3 visualizações
  • White Facebook Icon
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca ícone do YouTube
  • White Twitter Icon
leão icone.png

LEIA PRIMEIRO

© 2020 POR MARCK PUBLICIDADE.