Crescimento de Águas Lindas de Goiás está sendo retomado com políticas públicas eficientes.

“No cooperativismo, existem mais oportunidades de crescimento e aprendizado. O cooperativismo tem crescido bastante e tem aberto muitas oportunidades de emprego e de crescimento também”, lembra Anderson Teodoro, secretário municipal de Cooperativismo

A economia brasileira vem retomando o crescimento. Segundo o Ministro da Economia, Paulo Guedes, o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro deve crescer 2,5% em 2020 – acima da previsão divulgada na última semana por sua pasta, que projeta 2,4% para a economia.

O poder público junto com a iniciativa privada está buscando implantar medidas que possibilitem o crescimento econômico do país.


O cooperativismo, que no Brasil, segundo dados do no Anuário do Cooperativismo Brasileiro, acumula um saldo positivo na geração de empregos e renda. Para se ter uma ideia desta forma, os dados mostram que entre 2014 e 2019, 6 mil cooperativas do país geraram 64,3 mil novas vagas e somam, hoje, 425,3 mil profissionais – um crescimento de 17,8%, no período.


O prefeito Hildo do Candango lembra que o cooperativismo sempre foi forte em Goiás. Segundo ele, o estado possui cerca de 950 mil pessoas envolvidas no modelo de negócio cooperativista.

“Temos um modelo de negócios diferenciado, que reúne pessoas em torno de um objetivo econômico, divide custos e responsabilidades e que se preocupa com o social. Por isso, somos mais resilientes nos momentos de crise”, explica.

O secretário de Cooperativismo de Águas Lindas, Anderson Teodoro, disse que o cooperativismo também tem ganhado força. No atual governo, a preocupação das políticas públicas tem sido direcionada para o fortalecimento de todos os segmentos produtivos. Para isso, Anderson Teodoro lembra que há disponível à população goiana órgãos de incentivo ao cooperativismo.


Ele fala do OCB-GO, que é o Sindicato e Organização das Cooperativas Brasileiras no Estado de Goiás, que defende os interesses institucionais, políticos e socioeconômicos do cooperativismo goiano e presta serviços de suporte administrativo, técnico e logístico, de natureza sindical e organizacional; e do SESCOOP/GO, que é o Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado de Goiás, braço educacional do Sistema, que promove formação e capacitação técnico-profissional do público cooperativista goiano (cooperados, empregados e dirigentes).


“No cooperativismo, existem mais oportunidades de crescimento e aprendizado. O cooperativismo tem crescido bastante e tem aberto muitas oportunidades de emprego e de crescimento também”, lembra Anderson Teodoro.


0 visualização
  • White Facebook Icon
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca ícone do YouTube
  • White Twitter Icon

LEIA PRIMEIRO

© 2020 POR MARCK PUBLICIDADE.