Dados do Bem: aplicativo permitirá monitoramento de pacientes com Covid-19 em Goiás

Cedido ao Estado, ferramenta será fundamental no combate ao novo coronavírus e permitirá que Estado e 78 prefeituras goianas identifiquem, se forma mais assertiva, suspeitos e diagnosticados com Covid-19. Desta forma, estratégias de isolamento social ou flexibilização serão ainda mais específicas para cada região

Gratuito e já disponível nas lojas virtuais App Store e Google Play, o aplicativo Dados do Bem será viabilizado pelo Governo de Goiás, em parceria com as prefeituras goianas, para rastrear e monitorar pacientes com Covid-19 no Estado. Para tanto, é necessário que cada pessoa faça o download da ferramenta e se cadastre, informando nome, endereço, CPF e localização. A tecnologia foi desenvolvida pelo Instituto D’Or de Pesquisa e Ensino, em parceria com a Zoox Smart Data, e doada para auxiliar no combate ao novo coronavírus.


Com os dados já informados, o próximo passo é responder a algumas perguntas de autoavaliação, mesmo que não apresente nenhum sintoma da Covid-19. A partir daí, o app indicará se o cidadão deverá ou não fazer o teste que identifica a doença. Caso seja necessário, a pessoa receberá um QRCode no celular, que dá o direito de fazer o teste em uma unidade básica de saúde específica – basta apresentar o código recebido.


Caso o usuário do aplicativo seja diagnosticado com Covid-19, ele deverá informar o nome de familiares e amigos com quem tem contato no dia a dia. Essas pessoas receberão um convite, via mensagem de texto no celular, para também fazerem o teste. Desta forma, o rastreamento dos contaminados será mais eficaz. Além disso, é importante que os diagnosticados façam um check-in no app e informem como estão se sentindo para que seja analisada a evolução da doença em cada paciente.


Continua depois da Publicidade



O rastreamento permite identificar com maior precisão como está ocorrendo a propagação do vírus em cada cidade goiana. As pessoas não contaminadas ou que tiveram o resultado negativo poderão manter o app no celular e acompanhar as estatísticas da região. Outro benefício da ferramenta é que não utiliza os dados móveis dos celulares. Mesmo que o usuário não esteja conectado a uma rede wi-fi, não será cobrado do pacote de dados. Isso se dá em virtude do patrocínio de diversas empresas para a elaboração do aplicativo, entre elas operadoras de telefonia.


A princípio, a adesão ao Dados do Bem poderá ser feita por 78 municípios, entre os que têm o maior percentual de contaminação e as cidades turísticas. A escolha foi determinada por critérios técnicos elaborados pela Secretaria de Estado da Saúde (SES-GO), por meio da Superintendência de Vigilância em Saúde (Suvisa), em parceria com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). Essas mesmas cidades receberão equipamentos para testagem em massa, já anunciado pelo governador Ronaldo Caiado. A ação ocorrerá por meio de um convênio que firmado com o Instituto Butantan, de São Paulo, e o Programa Todos Pela Saúde, do Banco Itaú, em parceria com outros órgãos.

“É necessário termos uma parceria muito forte com os prefeitos para que a população instale o aplicativo, o que vai facilitar e muito a nossa vida”, destaca o governador Ronaldo Caiado. “O Dados do Bem vai rastrear os pacientes que já estão diagnosticados e controlar o seu isolamento”, afirma. Com as informações sobre locais e regiões com maior índice de contaminação, o isolamento social será mais específico. Antes, a quarentena deveria ser para todas as pessoas. Agora, com o app, a expectativa é de que o isolamento seja apenas para os que realmente estão diagnosticados ou têm grande risco de contaminação.


Com informações da Secom - Governo de Goiás


43 visualizações
  • White Facebook Icon
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca ícone do YouTube
  • White Twitter Icon
leão icone.png

LEIA PRIMEIRO

© 2020 POR MARCK PUBLICIDADE.