“Não estou mais radical, estou mais consciente” dispara Lula negando radicalização do PT.

Ex-presidente aproveitou ainda para criticar Sérgio Moro e o procurador Dallagnol.




O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva discursou na noite desta sexta feira (22) durante a abertura do Congresso Nacional do PT, em São Paulo. Ele declarou que

“não está mais radical, mas sim mais consciente”

e prometeu rodar o país, não só para “infernizar a oposição”, mas para exaltar que o povo brasileiro “não pode mais passar o que está passando“.


“Quando digo que tenho 74 anos de experiência, 30 de energia e 20 de tesão, pode acreditar que eu estou com mais disposição de lutar por este país do que eu já estive em qualquer outro momento”, disparou o ex-presidente.




Lula falou por cerca de 1 hora e voltou a criticar o governo de Jair Bolsonaro, o ministro da Justiça, Sergio Moro e a força-tarefa da operação Lava Jato, especialmente o rocurador Deltan Dallagnol.


“Nós vamos desmontar essa farsa que foi montada para tirar o PT do governo. Eu estou convencido disso, é uma questão de paciência”, disse.

O ex-presidente afirmou ainda que continuará lutando para que sua sentença no caso tríplex seja anulada e para que receba o “julgamento justo que merece ter”.


Com informações do jornal O Globo.



26 visualizações
  • White Facebook Icon
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca ícone do YouTube
  • White Twitter Icon
leão icone.png

LEIA PRIMEIRO

© 2020 POR MARCK PUBLICIDADE.